Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Porto.

sábado, 28 de setembro de 2013

 Pátio do Paraíso. O (demolido) palacete que serviu de instalações ao Corpo de Bombeiros
Tendo já antecedentes que escusamos especificar nesta publicação, podemos afirmar que a Associação Humanitária foi criada (graças ao esforço de notáveis Portuenses, como Alexandre Theodoro Glama e de Guilherme Gomes Fernandes) e o Corpo de Bombeiros foi instalado no "Pátio do Paraíso", um palacete que compreenderia o espaço imobiliário ocupado actualmente desde o Teatro Rivoli, Caixa Geral de Depósitos, Café Garça Real e Associação de Jornalistas, na Rua do Bonjardim, a 25 de Agosto de 1875, com a denominação de Associação Humanitária Bombeiros Voluntários do Porto. A 26 de Agosto de 1875 constituía-se oficialmente a Associação, em sessão realizada no teatro "Príncipe Real".
Actualmente estão instalados no quartel localizado na Rua Rodrigues Sampaio, muito próximo da Câmara Municipal.
Aspecto do gabinete do Comandante
Carro de bombeiros no extinto Pátio do Paraíso
Carro de bombeiros no Pátio do Paraíso
Dois bombeiros com cavalos da Associação Humanitária Bombeiros Voluntários do Porto, no extinto Pátio do Paraíso

Imagens:
- Phot.ª Guedes
Fontes:
- Bombeiros Voluntários Portuenses

0 comments

Enviar um comentário