Casa de Banhos. (Rua de Santo António / Rua 31 de Janeiro, Porto)

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

"Casa de Banhos" da Rua de St.º António/31 de Janeiro
Esta rua foi construída sobre estacaria e arcos em pedra, para vencer o grande declive entre as extremidades da rua e também para permitir passagem à "mina do Bolhão" que lá passava para abastecer com água o extinto Mosteiro de São Bento de Avé-Maria. A Rua de Santo António/Rua 31 de Janeiro foi uma rua meticulosamente planeada, com os alçados dos seus prédios projectados pelo arquitecto Teodoro de Sousa Maldonado, entre 1787 e 1793.
A rua foi finalmente aberta em 1805 com o nome Rua Nova de Santo António. Santo António, devido a Santo António dos Congregados; Nova, porque já existia outra Rua de Santo António, na Picaria.
A par da Rua dos Clérigos e a Praça de D. Pedro, depois, da Liberdade, a Rua de Santo António/31 de Janeiro apesar da forte inclinação, ganhou foros de excelência. Era a artéria onde imperavam os luveiros, as alfaiatarias e os cabeleireiros da moda. Local onde existia a Casa de Banhos (aberta em 1866 e que recebia água do manancial de Camões, através de uma mina. Seria encerrada em 27 de Setembro de 1909), o Teatro Circo e o Teatro Baquet, este mandado construir pelo alfaiate António Pereira Baquet em 1859 e que, 29 anos depois, foi consumido por um violento incêndio. Sobre as suas ruínas ergueram-se os magníficos Armazéns Hermínios, já por nós abordados neste blogue.
Segundo "O Tripeiro" Série V, Ano VI, podemos ler sobre esta Casa de Banhos:
“Está aberto este estabelecimento todos os dias, de verão, desde as 5 horas da manhã até às nove da noite, e no Inverno, desde as oito da manhã até às seis da tarde. Aos Domingos fecha-se ao meio dia. 
Por um banho de tina, da água doce 160 reis 
Por assinatura( 12 banhos) 1$680 reis 
Um banho sulfúrio (cada) 300 reis 
Um banho de vapor 600 reis 
Um banho de chuva 120 reis 
Assinatura (12 banhos) 960 reis 
Um banho de água do mar 300 reis 
Em todo o tempo se pode ir tomar banhos de água doce, de chuva, de águas termais e de vapor. Os de água de mar só principiam no primeiro de Agosto e acabam em 31 de Outubro.” 
O mesmo local actualmente, na Rua 31 de Janeiro

Imagem: 
- Phot.ª Guedes
- Alexandre Silva
Fontes:
- CMP
- BMP
- O Tripeiro

0 comments

Publicar um comentário