Hotel Sul-Americano. (Porto)

sexta-feira, 3 de julho de 2020

Localizado na Praça da Batalha, no Porto, o "Hotel Sul-Americano", marcou o seu tempo.
Este ilustre Hotel foi adquirido por Álvaro de Azevedo, um ex-emigrante no Brasil, após regressar a Portugal. 
Logo após a compra do imóvel, o mesmo foi totalmente remodelado, tornando-o num dos melhores hotéis da cidade do Porto na sua época.
Hotel Sul-Americano, c.1913
Hotel Sul-Americano c.1916
Editor - Papelaria e Typografia Académica
Hotel Sul-Americano na Praça da Batalha, Porto
A decoração tinha vários motivos inspirados na América do Sul, tal como os painéis de azulejos que decoravam o interior do hotel (representando o Alto do Corcovado ou o Caes Pharroux); e deste modo era muito procurado pelos viajantes com proveniência naquele ponto do globo. 
O mobiliário do Hotel era elaborado pela casa Correia d'Abreu, do Porto, sendo de nogueira nos quartos de 1ª classe, e de freixo americano nos de 2ª classe.
Na segunda metade do ano de 1944, o "Hotel Sul-Americano" daria lugar ao "Grande Hotel do Império", após ter sido adquirido, na data citada, pelo indústrial Joaquim Ribeiro de Almeida, que logo após a aquisição do Hotel, remodelou totalmente este edifício, tanto interior como exteriormente. 
O então novo e imponente "Grande Hotel do Império", extremamente elitista e luxuoso, seria inclusive mencionado no filme "O Leão da Estrela".
Actualmente, neste mesmo local, ergue-se o edifício do Hotel "Quality Inn".