Mirantes da porta do Sol e Guindais. (Porto)

sábado, 18 de agosto de 2012

Clique para ampliar
O Dispensário Rainha D. Amélia, vendo-se o torreão com o mirante, atrás de uma extinta capela
Imagem actual do local, obtida por Augusto Vilaça
Já aqui se falou do Convento de Santa Clara, num "post" anterior. Neste local, mais precisamente nas Torres da muralha Fernandina as freiras construíram, em dois cubelos, mirantes cobertos e fechados por janelas envidraçadas, para as proteger das intempéries. 
Os dois mirantes são hoje aquilo que conhecemos por Torreões da muralha Fernandina, estando o outro na escarpa dos Guindais, junto ao tabuleiro da ponte Luís I.
O Dispensário Rainha D. Amélia, sendo visível à direita as torres da Sé
Foi já no séc. XX que retiraram os mirantes com a finalidade de repor a traça original. O edifício que vemos na imagem de cima ligado a uma capela (actualmente inexistente) foi onde funcionou o Dispensário Rainha D. Amélia, destinado a crianças órfãs.
Vista da Rua de Augusto Rosa, a partir da Muralha Fernandina, o mirante é perfeitamente visível no Torreão. Identificamos o Teatro S. João, no horizonte da imagem. O edifício branco com uma capela, na direita da  fotografia, é onde funciona a actual Universidade Lusófona (antiga U. Moderna) tendo o casario, na direita do mesmo, sido posteriormente demolido.
Mirante do antigo Convento de Santa Clara
Mirante do antigo Convento de Santa Clara. BPI
Muralha Fernandina nos Guindais. Em cima a Torre ainda com o mirante coberto e em baixo com o seu aspecto actual provida de ameias.
Muralha Fernandina. José Marques Abreu Júnior, 1936, FOTO.00047564
Imagem actual, autoria de Augusto Vilaça
Em baixo, uma imagem obtida a partir do tabuleiro inferior da ponte Luís I, onde podemos observar parte da muralha Fernandina na escarpa dos Guindais, demolida, provavelmente devido a uma derrocada da escarpa, que, condicionou novas obras de restauro realizadas no Estado Novo.
Clique nas imagens para as ampliar
Muralha Fernandina. Pormenor da derrocada, na imagem de baixo.  
José Marques Abreu Júnior, 1959, FOTO.00047647


Imagens:
- BPI, Edições Arnaldo Soares
- Alvão
- Novais
- Augusto Vilaça
José Marques Abreu Júnior

0 comments

Enviar um comentário